top of page

GUCCI GUCCI - e seus amados sapatos

Nós sabemos que os acessórios dão um verdadeiro tchan ao look. Eles conseguem mudar totalmente o visual e compor estilos diferentes. Estar com o acessório certo, faz total diferença mas esta com sapato ideal é fundamental para o styling de um look.


E para os amantes de moda, os sapatos da Gucci são verdadeiros ícones, mas saibam que os sapatos só foram introduzidos em 1953. Aldo Gucci os introduziu entre os produtos de couro na maison fiorentina. E no vocabulário da moda é necessário paradigmas e construir sua própria linguagem, ele viu a necessidade de um sapato híbrido, um equilíbrio perfeito entre classicismo e revolução que melhor inaugura o projeto nascente.


A escolha recai sobre o mocassim: uma silhueta essencial, minimalista, com um design clean e sem excessos que consiga realçar a qualidade do material, fácil de combinar mas sempre sofisticado. O mocassim foi o primeiro modelo a ser feito pela maison e continua fazendo história até os dias de hoje, por ser um elemento que se transformou atemporal e que transita entre os estilos durante décadas.


A gama de mocassins dos arquivos da Gucci é vasta: eles narram a evolução deste sapato ao longo dos anos e mostram a aplicação do renomado cavalinho em uma ampla gama de materiais, do couro de bezerro à camurça, do píton ao crocodilo até as versões em cetim e lona.






O mocassim se mantém até hoje nas coleções da Gucci. A produção de sapatos Gucci, no entanto, não se limita a eles, com o passar dos anos foram acrescentando botas, sandálias, mules e até chinelos que conquistaram o coração dos amantes de sapatos, empurrando a casa de moda para o Olimpo dos mais desejado e mais comprado.



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page