top of page

O MELHOR DAS SEMANAS DE MODA

As semanas de moda internacionais já estão nos seus últimos dias, a criatividade dos designers veio à tona mesmo a meio de um período tão complicado como está sendo esse ano. Tivemos a Moschino que fez seu desfile com bonecas marionetes, a Prada e que estreou sua primeira coleção com Raf Simons (há também um vídeo no Instagram da marca falando da nova parceria), Isabel Marant com sua performance. Paco Rabanne tomou conta dos espaços e da sonoridade pública para sua coleção super futurista, não houve trilha e sim apenas a sonoridade emitida pelas ruas de Paris.


Cada marca optou por uma estratégia diferente para se destacar fisicamente e, principalmente, digitalmente.

Nós da TNFM separamos a coleções que mais gostamos da temporada para vocês. Em breve teremos grandes novidades aqui no site. Não percam!



Bom, começamos com a nossa apresentação favorita que foi da Balenciaga. Todos sabem que a proposta de Demna Gvasalia modificou totalmente a identidade da marca, ele traz bastante de sua identidade pessoal nas coleções. Confesso que esse vídeo prendeu a minha atenção 100%, é sabido que o principal desafio de um estilista é implementar o novo, algo que seja revolucionário e que mude completamente o cenário da moda. Demna fez isso em 2014 e a cada coleção, ele consegue aperfeiçoar cada vez mais. Todo o conceito do vídeo é incrível, inovador, avant- garde e possui uma essência parisiense. Confesso que alguns dos seus designers possui aspecto de "usado" o que na minha opinião, não agrega muito para a marca. Porém as silhuetas estão incríveis, é ousado e interessante.

































Já o nosso favorito da moda italiana foi o conceito apresentado pela Prada, que particularmente compraria a coleção inteira se pudesse. A primeira coleção de Raf Simons com Miuccia Prada não poderia ser melhor!

Além de toda contemporaneidade na coleção apresentada, é visível que a marca pensou em uma coleção realmente “pronta para usar”, uma coleção com utilidade e que faz sentido para as pessoas, como Miuccia mencionou.

Estamos vivendo momentos difíceis, muitas pessoas ainda estão em negação e achando que tudo “está normal” mas a realidade é bem diferente. É difícil para nós estilistas, criadores de moda encontrar o nosso propósito em uma situação como essa e para Miuccia não foi diferente. Além da beleza e do sonho, a moda precisa ser funcional, afinal ela só toma forma quando há um corpo humano presente.

Eu realmente adorei esse desfile, além de toda a estética, a harmonia de cores arrojada e minimalista cria impacto na composição junto ao cenário que está impecável. É incrível como ele remete a frieza da exposição da vida e de como somos observados o tempo todo, até em momentos intimistas. Posso dizer apenas uma palavra: Bravo!!



















13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page